Compartilhar no Facebook

Compartilhar no Whatsapp




Chimarrão: a prova de que a tradição ainda é forte no Brasil! Venha aprender sobre esta bebida tão única do sul do país.

História

Todos que já conheceram um gaúcho sabem a verdade: chimarrão é MUITO mais que apenas uma bebida. Ele está ligado intimamente à cultura gaúcha, seus hábitos e a próxima imagem que nós temos do sul no Brasil. É importante lembrar que o chimarrão não foi uma invenção nossa mas sim um legado deixado pelos indígenas, que tomavam uma bebida muito semelhante feita de erva-mate a partir de uma cuia e água morna.

A descoberta dessa erva e desse costume se deu por colonizadores ao chegarem no Paraná, onde rapidamente esse costume dos guaranis foi ganhando adeptos: até um momento de proibição, quando padres jesuítas o associavam ao “diabo”, visto que era alimento criado por índios. Mas, curiosamente, no século seguinte os mesmo padres passaram a incentivar o seu consumo como forma de afastar as pessoas do álcool, alçando essa bebida a um dos principais pilares econômicos da região.

 

É uma bebida simples: erva mate, água, uma bomba (especial para essa bebida) e uma cuia…pronto! Com o passar das décadas, o chimarrão foi cada vez mais incorporado à sociedade brasileira, passando a se tornar o símbolo que conhecemos hoje em dia e uma ferramenta muito importante de convívio social, visto que é extremamente comum que no sul do país amigos se reúnam para saborear esta erva em conjunto.

O chimarrão se tornou um símbolo da paz, do entendimento e da interação. Hoje esta bebida tão tradicional, e de receita pouco alterada ao longo dos anos, continua sendo consumida em larga escala em todos os cantos do país, especialmente no Sul: terra do chimarrão!

Dicas

  • Nunca, eu repito, NUNCA faça o seu chimarrão com água fervente! Isso é considerado sacrilégio para os puristas visto que pode acabar queimando a erva e danificando todo o sabor da bebida!
  • Outra dica importante é de nunca pedir um gole do chimarrão de outra pessoa. Apesar de sua característica social, a cultura é de que cada pessoa beba o seu próprio chimarrão. Você só deve tomar um gole da bebida de outra pessoa se ela mesma te oferecer. Educação em primeiro lugar!
  • Um chimarrão só é tão bom quanto os seus aparatos: compre uma cuia e uma bomba específicos para a bebida e de qualidade, visto que materiais ruins podem prejudicar no seu sabor! A erva também deve ser sempre o mais nova possível, visto que se modifica muito facilmente ao ar livre.
  • Para se manter fiel a tradição, nunca peça açucar no seu mate! O seu sabor único é para ser apreciado exatamente desta forma, mesmo que possa ser estranho para alguns paladares.
  • O chimarrão não é só saboroso como também traz muitos benefícios ao corpo humano! Além de ser diurético e digestivo, possui uma série de sais minerais e nutrientes, sendo extremamente eficaz em eliminar o cansaço e estimular a atividade física!
  • O chimarrão é extremamente fácil e rápido de ser preparado: não leva mais de 11 segundos. Com o aparato correto, você pode consumi-lo durante todo o dia sem nenhum problema, visto o seu baixo valor calórico e grandes benefícios!

Comente abaixo!

Comente abaixo!



Compartilhar no Facebook

Compartilhar no Whatsapp




VEJA ESSE CONTEÚDO ESCOLHIDO PARA VOCÊ: